“Estórias Ilustradas” – Um autêntico show de artes

Ferramentas

Para os amantes das artes, particularmente da escrita e da ilustração, a tarde do passado dia 23 de Maio foi muito bem passada, depois de terem tido o prazer de assistir a um autêntico show de artes proporcionado pelo escritor Ondjaki e o ilustrador António Jorge Gonçalves, que brincaram com palavras e desenhos que nos aceleravam os batimentos cardíacos, abrandavam-nos e depois voltavam a acelerá-los, deixando-nos emocionados e pasmados com o jogo de palavras e ilustrações que casavam de forma mágica.

A actividade chamou-se “Estórias Ilustradas”, um concerto escrito-desenhado-musicado-ao-vivo, serviu para encerrar o Workshop de escrita e ilustração ministrado por Ondjaki e António Jorge Gonçalves, que decorreu de 18 a 22 de Maio, promovido pela Pés Descalços, um Colectivo Cultural de carácter filantrópico cujo objectivo é o desenvolvimento e promoção de actividades de cariz cultural, com particular incidência nas artes.

Para Adalberto Cawaia, um dos integrantes da Pés Descalços, qualquer uma das actividades foi muito bem recebida pelo público. “Vamos agora fazer o balanço, mas o feeling que temos é bom desde já, usando os indicadores como o número de inscritos e participantes nos dois cursos. Mas também a partir da avaliação que os formadores fazem. Quanto ao concerto, foi muito positiva a presença não só dos participantes, mas de outras pessoas que se juntaram a este ambiente fantástico”, afirmou, em entrevista ao ONgoma News. 

A Pés Descalços é também responsável pelo projecto “Letras para Empréstimo” (Clique aqui para ver a página), que teve a iniciativa do Workshop sobre Escrita Criativa e Ilustração “a que o Ondjaki e o António rapidamente aderiram”, comentou Adalberto, tendo acrescido que a ideia do concerto surgiu em continuidade como encerramento do Workshop mas também porque é a segunda vez que o Colectivo traz o concerto para Luanda. “No ano passado, depois do evento TEDxLuanda, o Ondjaki e o António já tinham apresentado o concerto no Absolut Ideas Party no Miami. Achámos que havia interesse bastante para repetirmos a experiência!”, enfatizou.

Acresça-se que a parte musicada do concerto esteve sob a responsabilidade de Irina Vasconcelos, acompanhada na guitarra por Brálio Waya. Outros atractivos presentes no evento, propriamente no Vitória Seguros de Angola, Bairro Coreia, foram a exposição do projecto “VêSó”, “uma belíssima iniciativa de registo fotográfico de bairros de Luanda”, classifica Adalberto Cawaia, e a exposição e venda de livros da Leya, ao passo que “o Kudia Bistró abraçou a iniciativa e esteve presente alimentando o pessoal”, informou e finalizou: “A actividade não teria sido possível sem os nossos patrocinadores Leya, Fundação Arte e Cultura e Instituto Camões; os apoios da Universidade Lusíada de Angola e da Alliance Francaise”.